Ilha (Praia) de Tavira (***)

Ilha (Praia) de Tavira (***)

A Ilha de Tavira é uma extensa faixa arenosa, muito estreita, com 11 km de comprimento, a sul da cidade de Tavira (**). O seu areal delimita o Parque Natural da Ria Formosa (***). Toda a ilha é uma magnífica praia, adaptada para todos os gostos. A ilha (praia) é muito quente, luminosa, de areias finas, com ondulação suave e águas cálidas. Um paraíso a nossa espera.
A ilha possui quatro praias. De leste para oeste, encontramos em primeiro lugar a Praia da Ilha de Tavira (ou simplesmente Praia de Tavira), seguindo-se a Praia da Terra Estreita, a Praia do Barril e a Praia do Homem Nu. Entre a praia de Tavira e a praia do Barril o naturismo é tolerado, contudo, na região ocidental da praia do Barril (na Praia do Homem Nu), o naturismo encontra-se legalizado.
A Praia de Tavira
Com cerca de mil habitantes recenseados, é o sítio da praia com mais agitação, especialmente durante a época balnear. Com infra-estruturas de apoio ao turismo, a ilha dispõe de um parque de campismo, casas de veraneio e transporte em barcos a partir de Tavira, do cais de Quatro Águas ao longo do rio Gilão. Neste passeio pode observar a frota de pesca artesanal que aí circula ou repousa, bem com áreas de salinas, onde os perna-longas se alimentam.

O Forte do Rato e o Arraial Ferreira Neto
O acesso também pode ser feito a partir das Quatro Águas. Aqui ainda pode visitar o Forte do Rato, junto a foz do rio Gilão, na sua margem esquerda. Este forte foi fundado no reinado de Dom Sebastião com o objectivo de proteger a barra de entrada na cidade. A Guerra da restauração em 1640 determinou que se procedesse à modernização da fortaleza. Tem planta poligonal e porta voltada para Norte. Deveria ser recuperado rapidamente.
Ainda perto pode visitar uma antiga base de faina atuneira, hoje a funcionar como complexo hoteleiro. Foi construído em 1943 e funcionava como uma autêntica aldeia, com capacidade para acolher cerca de 150 famílias. Possuía as infra-estruturas básicas para ser auto-suficiente (escola, balneário, capela, posto médico, cisternas…). A diminuição do volume das correntes migratórias deste pescado acabou com a pesca do atum (as última campanha data de 1971). As obras de recuperação e adaptação a unidade hoteleira realizaram-se em 2000. Em frente do edifício do arraial dispõe-se, cenograficamente, longas filas de grandes âncoras. Foi-se o atum vieram os turistas!
O sítio das Quatro Águas é magnífico, principalmente quando há poucos turistas. Com a barra a separar a Ilha de Cabanas (**) da ilha de Tavira, o forte do Rato, o Arraial Ferreira Neto e o ambiente típico do Parque Natural da Ria Formosa.

A Praia da Terra Estreita (Santa Luzia)
Para poente a ilha de Tavira estreita-se, resultando numa língua de areia com cerca de 50 metros de largura, a chamada Terra Estreita ou Praia de Santa Luzia, visto ser a partir desta pitoresca vila piscatória e turística que se faz a travessia de barco.
O areal é estreito, de areia fina e branca, muito extenso, proporcionando tranquilidade e isolamento. A vila de Santa Luzia é muito agradável.
A Praia do Barril
Para lá chegar basta atravessar uma estreita ponte pedonal que se eleva sobre um canal da ria e seguir depois a pé, ou nos pequenos comboios turísticos que circulam sobre carris, durante 1 km até ao areal. A linha foi construída com o objectivo inicial de servir a antiga armação de pesca do atum localizada na praia do Barril.
A viagem é maravilhosa  com o Cerro de São Miguel (Monte figo) (***) a servir de referência, sem esquecer os sapais, os bancos de vaza, canais e salinas da Ria Formosa, bem como as formações dunares de onde se liberta um cheiro muito característico a caril, oriundo da perpétua das areias.


O equipamento turístico da praia, foi adaptado a partir de uma antiga armação de pesca do atum e no local ainda se pode ver o casario original do arraial e alguns objectos da faina, bem como um conjunto extraordinário de grandes ânforas que se encontram dispostas no espaço envolvente da praia em cima das dunas.
O areal é imenso, virado ao Oceano Atlântico e caminhando na direcção do extremo oeste da ilha chega-se à Praia do Homem Nu, praia deserta e selvagem, com uma bela vista sobre a ilha da Armona (**) e a barra. A Praia do Homem Nu é praia oficial de naturismo.
Porque é que temos de ir para tão longe, para países distantes, apenas para termos praia, quando aqui temos o Éden?
Dica: Os passeios de barco no Parque Natural da Ria Formosa são magníficos, porque coloca os visitantes em contacto intimo com a natureza, para tal, recomendo a embarcação Pegasus, pertencente aos “Passeios na Ria Formosa” que tem para si programas inesquecíveis. Se está de férias no Algarve e não deambular de barco na Ria Formosa, é como ir a Roma e não ver o Papa. Fazer esta experiência, é, tal como diz Raúl Brandão, “viver num meio adormecimento, seduzido pela luz, fora de todos os interesses e realidades, em Portugal e no Sonho…” in Pescadores- Agosto de 1922.

6 comentários Ilha (Praia) de Tavira (***)

  1. Miguel Pacheco says:

    Vejo na vossa pagina assim como em tantos outros locais que a Praia da ilha de Tavira também conhecida pela praia das Quatro Aguas, que na zona compreendida entre a mesma e a praia do Barril o NATURISMO é TOLERADO. Escolho esta localidade para passar férias, instalando-nos numa unidade hoteleira da zona e vou com a minha familia e amigos para esta praia faz já alguns anos onde praticamos naturismo procurando para isso colocar-nos a ceca de 15 minutos de caminhada da ultima zona concessionada da paraia de Tavira. Não vamos para a praia de naturismo oficial por ser demasiado ”fora de mão”. Ontem Quinta-feira a meio da tarde encontrando-nos nesse local a praticar o dito naturismo com um casal amigo que veio da Suécia, fomos abordados (assim como todas as pessoas que estavam nessa zona desde o Barril até Tavira) pela Policia Marítima a mandar-nos vestir dizendo que não podíamos praticar naturismo fora da praia oficial. O casal que connosco estava ficou admirado perguntando-nos se isto era normal aqui por estes lados, um outro alemão que após a abordagem da Policia veio ter connosco dizendo que esta era uma situação ridícula para quem procura as zonas naturistas oficiais ou toleradas para passar as suas férias.
    Não creio ser esta a maneira com que se pretende promover o turismo tanto nacional como estrangeiro, pelo que venho deste modo dar conhecimento da maneira como estamos a ”espantar” os nossos turistas e pedir o apoio da própria junta de turismo a fim de interceder junto de quem de direito para evitar situações desagradáveis como esta.

  2. Joana says:

    Ai ai… mal saem com o nariz fora de Lisboa
    já não se aguenta a roupinha no corpinho e toca de por a bunda ao fresquinho rsrsrsrs
    Pois acredito que seja agradável , mas…
    Pelos visto parece que nem todos são da mesma opinião qto a mim nunca pratiquei nudismo por falta de coragem , mas acredito que quem o pratica se sinta livre em paz de espírito e de bem com a natureza .

  3. RUI PAULA says:

    Já a Policia maritima a pssear-se por essa zona mas numa de mirones, como muitas outras pessoas que passam 50 vezes por nos so para ver se ve a maminha da mulher, mas isso sao pessoas doentes, atrofiadas, pategos, mirones de quem nos todos temos pena da figurinha ridicula que fazem ao irem ver os outros nus. nos somos casados e vamos para a ilha de tavira há + de 20anos e adoramos o ambiente alem disso é também um ponto de encontro para casais swing ao qual tb pretencemos … no verao lá estaremos

  4. Cagones says:

    Pelos vistos o rui e companhia são avant garder.
    Os outros, que não pensam nem se comportam como eles, são doentes, retr+ogrados e atrasados mentais.

  5. Luis Filipe says:

    Mas o que eu não compreendo é porque hão-de as pessoas ser abusadoras?! Se há espaços onde se podem despir à vontade, porque hão-de afrontar os outros que não gostam dessa prática. eu vou para essa praia e para a do barril mas circunscrevo-me à área “oficial” pois acho que não só eu estou protegido dos mirones porque é longe mas contribuo assim para não causar mal estar a mim com incómodos dos guardas que têm toda a legitimidade de interpelarem que prevarica.
    ER espero também que o façam quanto aos cães que vem com seus donos para o meio das praias onde é expressamente proibido estarem cães!

  6. Pedro Pereira says:

    Acabei de chegar da ilha de Tavira, via 4 águas, e nem sabia da existência de zonas para o naturismo. Por acaso como faço regularmente jogging aproveitei para desbravar km pele imenso areal. Fui ainda uns Km para além da Praia do Barril, a ideia era atingir a outra extremidade da ilha mas tive que desistir a talvez uns 3 km, isso pelo que me disseram que faltava. Alguém me sabe dizer quantos km de extensão tem a Ilha? E da Praia de tavira ao barril quantos km são sensivelmente?
    Já tinha estado 1 vez neste local mas desta vez estive mais tempo e adorei por completo. Aconselho todos a frequentar esta marivolhosa praia mas fora da época dos meses de ponta…Durante o jogging vi algumas pessoas a fazerem naturismo e sinceramente a mim não me choca. Se me perguntarem se gosto de ver as meninas, não sou hipócrita, é óbvio que gosto…mas é preciso ver as coisas de maneira natural e respeitar as pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>